Como o gerenciamento de processos (BPM) ajuda na redução de custos na empresa?
maio
07

Como o gerenciamento de processos (BPM) ajuda na redução de custos na empresa?

Deixe um comentário

Responde para nós: como é feito o gerenciamento de processos em sua empresa hoje?

Nós sabemos o quão importante é considerar o BPM dentro de uma instituição – independente do seu tamanho. O mercado muda frequentemente e se você não percebe isso, perde o foco dos seus processos.

Sabia, por exemplo, que um dos maiores erros de gestão de negócios é fazer as coisas no automático? E sabe o que mais é afetado nessa forma de trabalho? O seu financeiro!

Assim como a falta do gerenciamento de processos de negócios pode aumentar suas despesas, quando mal administrado, quando bem estruturado ele pode ajudar na redução de custos. Neste post vamos explicar como o BPM é eficiente nesse segundo caso e deixaremos algumas dicas para você aplicar na sua empresa.

Antes, entenda bem o que é o BPM

Não dá para iniciar um processo sem entender o que ele significa completamente.

BPM é uma abreviação de Business Process Management, que em português significa Gerenciamento de Processos de Negócios.

Explicando de uma forma mais expansiva, pode-se dizer que o gerenciamento de processos de negócios é a forma como uma empresa desenvolve, adapta e analisa cada um dos processos previsíveis do negócio.

Sendo assim, o BPM se torna um modelo completo de melhoria empresarial. Ele passa a ser muito eficiente para garantir que todos os processos de uma organização sejam eficientes. Dessa forma, a empresa se torna cada vez mais mensurável e lucrativa.

Trabalhando o BPM, as empresas conseguem analisar o seu estado atual, podendo identificar as áreas de melhorias focando na redução de custos e na sustentabilidade da marca.

LEIA TAMBÉM: Saiba aplicar corretamente a Metodologia Lean e melhore a sua produção

Gerenciamento de processos de negócios (BPM) aplicado para redução de custos

Um número considerável das empresas que adotam o gerenciamento de processos de negócios é pensando na redução de custos que ele trará.

E como aplicar o BPM na melhoria do financeiro da sua empresa?

Mapeando os processos

Partimos do princípio de Peter Drucker, onde diz que “Aquilo que não pode ser medido, não pode ser melhorado”. O gerenciamento de processos deve, portanto, começar com o mapeamento de todas as etapas básicas. Isso permite que você consiga ver como elas operam com todos os detalhes e, consequentemente, mapear as possíveis melhorias.

O mapeamento permite que você descubra informações como:

  • tempo de duração;
  • recursos necessários para cada etapa do processo;
  • frequência de aplicação (quantas vezes uma etapa precisa ser repetida até o final do processo).

Sabendo das informações acima, consequentemente, você consegue identificar qual o custo envolvido para que tudo isso aconteça com a melhor qualidade.

Identificando processos dispensáveis

O gerenciamento de processos permite que você descubra quais os processos que não são bons investimentos para a sua empresa. Isso pode ser uma tomada de decisão temporária ou definitiva. Você pode decidir sobre cortar completamente um processo do seu negócio ou suspendê-lo e retomá-lo em um melhor momento.

Aplicar o BPM nesse sentido traz ainda uma outra boa vantagem para a gestão de negócios: a identificação de possíveis terceirizações de serviços.

Sabemos que, em alguns momentos, é mais que viável terceirizar uma etapa do que investir na capacitação de uma equipe inteira. Há vantagens relacionadas ao tempo de aplicação, custo e demanda.

Reconhecendo modelos de negócios ultrapassados

Se você trabalha em cima de um modelo de negócio ultrapassado, as chances de prejuízos financeiros são elevadas. Você encontrará problemas com o seu cliente e com a sua equipe. De um lado você tem um consumidor crítico, que não tem um serviço prestado completamente. Do outro lado, uma equipe sem a devida capacitação ou ferramenta atualizada de trabalho.

O gerenciamento de processos traz uma nova perspectiva e mostra o que pode ser atualizado e, principalmente, quanto isso vai custar para a sua organização.

Identificando essas questões, é possível dá um passo atrás, atualizar o que é importante e gerar mais valor para o seu cliente e para seu colaborador.

Padronizando os processos

Processos unificados geram menos custos para as empresas. Mais acima falamos que um dos maiores erros das organizações é fazer tudo no automático. Isso acontece, geralmente, quando não há um padrão entre as equipes. Ou seja, todo mundo trabalha em direções diferentes.

O resultado é a repetição de etapas, a desatualização do andamento dos processos, atrasos nas demandas etc.

O BPM ajuda na organização e padronização de toda gestão de negócios. Com todos os departamentos trabalhando na mesma direção, as metas são mais facilmente atingidas e não há custos excessivos e desnecessários.

 

Você já nos acompanha nas redes sociais? Descubra mais sobre BPM e gestão de negócios em nossa página no Facebook, nosso perfil no Instagram  e em nossa página de negócios no LinkedIn.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nov
16

Por que é importante investir na digitalização de processos?

• 16 de novembro de 2020

A digitalização de processos se tornou a protagonista no dia a dia das empresas. Graças a ela, pequenos, médios e grandes negócios se modernizam, se adaptam ao perfil dos consumidores, que cada vez mais utilizam ferramentas digitais no cotidiano. Hoje em dia, com um smartphone em mãos ou outro dispositivo móvel, um cliente pode fazer… Leia Mais
out
26

O que realmente significa transformação digital?

• 26 de outubro de 2020

Entender o que é a transformação digital é entender o presente e o futuro dos métodos de gestão. A digitalização chegou para ficar e é ela quem vai ditar os rumos dos negócios daqui por diante. É por meio de várias ferramentas digitais que a maioria das interações com os clientes são – e continuarão… Leia Mais
out
20

O que é o Enterprise Service Management (ESM) e por que investir nessa tecnologia

• 20 de outubro de 2020

Na atual era digital, em que a automação de processos é fundamental para trazer bons resultados para qualquer empresa, o TI, famoso setor de Tecnologia da Informação, ganha bastante relevância. Nesse contexto, saber o que é o Enterprise Service Management é essencial. O ESM, como também pode ser chamado, significa Gestão de Serviços Empresariais. Ele… Leia Mais
set
21

7 funções indispensáveis em um sistema de automação de processos

• 21 de setembro de 2020

A automação de processos na era digital é essencial, pois as empresas cada vez mais necessitam de ferramentas capazes de otimizar os seus serviços. Por essa razão, um bom sistema de automação deve oferecer algumas funcionalidades importantes. Nesse artigo você irá conhecer algumas funções que são consideradas importantes para que um sistema de automação trabalhe… Leia Mais